O rabanete (Raphanus sativus) é uma hortaliça que possui cultivares europeu e cultivares oriental. Os cultivares europeus podem ser pequenos ou grandes, e podem ser redondos ou compridos. A cor externa das raízes pode ser vermelha, rosa, roxa, branca, verde, preta e amarela ou creme.

O rabanete produz uma raiz muito saborosa e bastante consumida, principalmente crua e em saladas.

como-plantar-rabaneteOs egípcios eram grandes defensores da plantação de rabanetes nas grandes hortas para a exportação, alimentação de animais de carga e também para pôr na mesa de grandes jantares reais. Por causa de seu sabor distinto e suas propriedades nutricionais, o seu cultivo foi se propagando ao longo dos anos. Além de ser um alimento completo, suas flores e folhas também são comestíveis. Elas também são muito usadas na preparação de chás e saladas.

Cultivares: Tipos de rabanetes

Existem dois principais tipos de rabanetes: os rabanetes de Primavera, que têm como principais características um crescimento rápido, um aroma pouco intenso, uma cor que pode variar entre o branco, vermelho e rosa; e uma forma que tanto pode ser cilíndrica, oval ou esférica e os rabanetes de Inverno, por sua vez, demoram mais tempo a desenvolver e a crescer, mas são mais aromáticos.

Local de plantio

O rabanete melhor se desenvolve em solo areno-argilosos, com Ph entre 5,5 e 6,8. O local escolhido deve receber luz ao menos algumas horas do dia.

É importante que a terra seja devidamente adubada com material orgânico para enriquecê-lo, sendo capaz de proporcionar uma boa nutrição para o rabanete.

Época de plantio

O rabanete melhor se desenvolve em regiões de clima frio ou temperado, o que faz da região Sul a mais propícia para o seu plantio. As temperaturas ideias para o seu desenvolvimento ficam entre 10 e 20 ºC.

O plantio pode ser feito em qualquer época do ano, em regiões de clima ameno, e recomenda-se o plantio de abril a junho, nas demais regiões do Brasil onde o verão é sempre quente e chuvoso.

Cultivo

As sementes devem ser semeadas diretamente no local definitivo na horta.

O rabanete pode ser cultivado entre as linhas de outras hortaliças especialmente os cultivares de rabanete de tamanho pequeno, como alface, cenoura, pepino, abobrinha, feijão-de-vagem, ervilha, espinafre, chicória e milho.

Um dos cuidados que se deve ter com o cultivo do rabanete é o de sempre retirar as plantas invasoras.

O rabanete é uma planta bem resistente a doenças e pragas. Contudo observe sempre se não há a existência de grilos e pulgões e, ainda a mela, que é uma doença causada por fungos. No caso da presença de qualquer um desses problemas devem ser tomas providências para erradica-los, principalmente através da utilização de defensivos adequados ou de métodos naturais.

Quando o solo necessitar pode-se utilizar esterco curtido de curral e fertilizantes minerais. A semeadura é feita no local definitivo, com o espaçamento de 30 cm entre os sulcos que devem ter de 1 a 2cm de profundidade.

Irrigação

A irrigação deve se manter constante para manter o solo sempre úmido, mas sem que fique encharcado.

Colheita

Rabanetes são um dos primeiros vegetais a estarem prontos para ser colhidos na primavera. A maioria das espécies está no ponto de colheita aproximadamente 25 dias a 32 dias após o plantio, e você pode semear as sementes a cada 10 ou 14 dias até o clima esquentar. Os rabanetes também são plantados na metade do verão para serem colhidos no outono, e rabanetes de inverno ficam maiores e podem ser colhidos em 50 a 70 dias após o plantio.

Os rabanetes devem ser colhidos sem muito atraso, pois as raízes vão se tornando lenhosas e amargas. Cultivares maiores são geralmente colhidos de 60 a 80 dias após o plantio. Alguns cultivares de rabanetes são plantas anuais, enquanto outros são plantas bianuais.

Benefícios do rabanete

Os Rabanetes são conhecidos como vegetais crucíferos. Estudos mostram que os rabanetes são ricos em antioxidantes e outros compostos em vegetais crucíferos ajudam na prevenção do câncer. Além disso, Rabanetes são ricos em fibras, o que ajuda a combater o câncer de cólon, enquanto que compostos conhecidos como isotiocianatos afetar vias genéticas nas células cancerosas, mesmo induzindo a apoptose (morte da célula cancerosa).

Estudos descobriram que os antioxidantes nos Rabanetes podem reduzir os níveis de colesterol no organismo, que por sua vez irá reduzir o risco de doença cardíaca e ataque cardíaco. Os Rabanetes são uma grande fonte de potássio, que foi encontrado para ajudar a regular a pressão arterial.

Rabanetes também emagrecem, pois além ser rico em enxofre, fonte de vitamina C, o mesmo ajuda a desintoxicar nosso organismo, especialmente o muco e fleuma, impedindo a obstrução, que causa fadigas. O Rabanete emagrece, pois contem baixas calorias, sem falar na quantidade de nutrientes que são como amigos, aliados à perda de peso.

Dica da horta: Como plantar rabanete em vasos

Com um cantinho no seu quintal ou na sua varanda que recebe luz solar por pelo menos algumas horas por dia você pode cultivar o seu rabanete em um vasinho.

Encha 1/3 do vaso ou jardineira com pedriscos para facilitar a drenagem da água. Lembre-se de que os vasos devem ter furos para não acumular água no fundo.

Coloque no vaso a seguinte mistura: 2 partes de terra comum, 1 parte de composto orgânico e 1 parte de areia, enchendo quase até a borda do vaso. Mexa bastante para misturar os diferentes tipos de compostos.

Fontes: portaldoagronogocio, emagrecarapido.net.
Imagens: Google.

SEM COMENTÁRIOS